sexta-feira, 30 de maio de 2008

UFO EM RIO PARDINHO AGITA COMUNIDADE- interior de Santa Cruz

No dia 26 de maio, segunda-feira o senhor Gilmar Wiesner, as 9h da noite saiu de para ver o que se passava com seus cahorros. Logo observou algo parecido com um avião que vinha exatamente pelas rotas comuns de trafego, quando esse mostrou estar fazendo uma curva do leste para o Norte. Nesse momento Gilmar percebeu que se tratava de uma espécie de aeronave sem asas e que se aproximou dele até uns 200 metros, baixando sua altitude até 50 metros do chão fazendo evoluções perto de uma mata de eucalípto. Nesse momento chamou os outros moradores de sua casa na Linha Nova. N frente quatro observadores o objeto movimentava-se deslizando em movimento retilíneos, vezes acendendo luzes, vezes apagado.
Acompanhe o depoimento do senhor Gilmar e o áudio feito no momento do contato.


video

UFO NO RIO PARDINHO!

Tiago, eu e o senhor Gilmar no local do contato dia 27


Estivemos no local do contato com o ufo em forma de charuto e já temos algumas conclusões. Hoje faz frio e chove muito e nossa investigação de campo ficou prejudicada,mas mesmo assim é válido saber de tantos acontecimentos aqui perto. Não se trata do primeiro incidente na localidade. Foi narrada a história para nós pelo senhor Gilmar que foi muito convincente. As testemunhas também firmaram seriedade nas colocações. A senhora Grasiele ainda estava incrédula até ver o movimento do suposto objeto. São pessoas do interiror mas muito bem informadas da tecnologia. Usaram câmreas digitais e até me gravaram um cd com as imagens feitas na hora, as quais estou processando a fim de ver se existe algo na escuridão filmada. O que vale são os depoimentos assustados dos observadores. O Objeto teria vindo de sudeste para norte, baixou e se manteve ziguezagueando acima de uma mata de eucalípitos, a mata essa que estaremos entranado hoje a tarde. As vezes emitia luzes que giravam em torno deste, nessa hora semovimentava, "como se fosse uma bola passada de um jogador para outro, parava de repente""rápido assim" - afirmou uma das testemunhas. Porém ontem mesmo recebi um telefonema anônimo de um dos membros de uma compania telefônica que afirmou que naquela região havia uma equipe que estava a concertar fios a noite, usando focos de luz muito fortes e que poderia ter sido isso que os moradores viram. De contrapartida as testemunhas, principalmente o senhor Gilmar afirmaram que o objeto teria vindo do céu e não projetado do chão. Outra testemunha, dona Simone custou a acreditar pois para ela se passava de apenas um foco de caça ou de automóvel. Mas quando viu o movimento se assustou. Ainda tenho que Confirmar mais evidências, mas lemro que assisti um concerto de uma rede elétrica a distância e a noite, toda vez que se jogava o foco de luz nos fios observávamos uma espécie de linhai luminada (o fio claro) que para nós parecia se movimentar para frentee para trás, mas era apenas o próprio foco que se movimentava deslizando no fio para a observação dos técnicos.


Enfim...vamos a caça. Vou verificar se existe tal rede de telefonia no local avistado e montaremos mais uma vigília, pois tenho a escala de trabalho noturno dos operários da telefônia. Caso eles voltem a colocar luz no local veremos qual o efeito que dá.


Rafael Amorim - NEUS

domingo, 11 de maio de 2008

ENCONTRO DE ESTUDOS LITERAL

No dia 03 maio o coordenador do NEUS foi convidado a participar de um círculo de estudo literal que acontece de 15 em 15 dias em Santa Cruz. O objetivo da presença de Rafael Amorim foi o tema deste último círculo de estudos: Arthur Clark. Como o escritor de 2001 foi um incansável pesquisador na área ufológica, desenvolvendo textos e contos onde comenta teorias criadas por ele mesmo sobre a ´vida em outros mundos de nosso universo, um suporte nessa área foi muito proveitoso. Para nós do NEUS é uma experiência a mais participar destes círculos de estudos ampliando ainda mais nossa fonteira de estudos e pesquisa.

Chuva de Meteoros.

No último dia 07 na madrugada do dia 08 membros do NEUS fizeram uma vigilia para a observação dos astros e acompanhar uma chuva de meteoros que está brindando o planeta Terra até dia 12. Seriam fragamentos do cometa Halley que passa por nossa visinhança de 80 em 80 anos. Esses fragmantos ficaram em um setor de nosso sistema Solar por onde nosso planeta está passando agora.
A localização e nome é Eta-Aquarídeas (passando pela constelação de Aquarios), para nós aqui em Santa Cruz do Sul o maior fluxo que pode ser observado foi a partir da 1h e 30min da madrugada de quarta pra quinta, na direção sudoeste de onde nos encontravamos, a Linha Travessa.
Numa noite fria, chegando aos 8 ou 9º centigrados, montamos um posto avançado junto ao Mosteiro Beneditino o qual nos deu a permição exclusiva para realizar essa atividade. Como o local não permite a presença de pessoas a noite no lado de fora das dependencias desse fabuloso local de espiritualidade e silêncio, procuramos tomar o máximo de cuidado para não interferir no descansos de nossas queridas irmãs Beneditinas.
Tratando-se de uma atividade astronômica e de estudo aprofundado sobre o firmamento Madre Paula ascentiu positiva a nossa pesquisa.
Agradecemos profundamente sua colaboração mais uma vez com as atividades do NEUS. Anoite estava limpa, com a lua crescente decendo as 9h da noite de quarta deixando ainda mais visível as estrelas e astros. Uma noite perfeita para uma conclusão muito boa a respeito de nossas pesquisas sobre os corpos celestes.